TJAM inicia reformulação da Política de Segurança da Informação do Judiciário Estadual

O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) iniciou o trabalho de reformulação da Política de Segurança da Informação do Judiciário Estadual. As novas providências que vêm sendo projetadas pelo presidente da Corte, desembargador Yedo Simões e pela Comissão de Gestão de Tecnologia da Informação (TI) da Corte Estadual pretendem reforçar as medidas de segurança no…

Continue Lendo

TJAM motiva empresas para um maior compromisso no trato com consumidores

  Desembargadores e juízes do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) reuniram-se, nesta semana, com representantes de instituições bancárias e de empresas concessionárias de serviços públicos motivando estas instituições para o fortalecimento do diálogo com seus clientes, especificamente com aqueles que registram insatisfação com a prestação de serviços.

Continue Lendo

Inquilino pode rescindir aluguel sem multa em caso de vícios de manutenção

  O inquilino tem direito a rescindir o contrato de aluguel sem pagamento de multa se o imóvel apresentar problemas anteriores ao contrato por falta de manutenção do proprietário. A decisão é da juíza Cynthia Silveira Carvalho, do 2º Juizado Especial Cível de Ceilândia (DF), ao autorizar o rompimento de um contrato de aluguel a pedido da…

Continue Lendo

Audiências para a Semana da Conciliação podem ser agendadas gratuitamente via internet

  A Corregedoria-Geral de Justiça (CGJ) informa que o sistema para agendar audiências na Semana Nacional da Conciliação está disponível até o dia12 de outubro. Denominado “Quero Conciliar” o sistema está disponível aos interessados em conciliar litígios que tramitam na Justiça Estadual e pode ser acessado na página da CGJ por meio do portal www.tjam.jus.br ou diretamente…

Continue Lendo

Tribunal de Justiça do Amazonas dá início à campanha Outubro Rosa

  O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) deu início nesta segunda-feira (1º) às programações da campanha Outubro Rosa. A campanha pela sensibilização dos servidores para a prevenção ao câncer de mama foi aberta solenemente pelo presidente da Corte, desembargador Yedo Simões com a participação de funcionários, magistrados e colaboradores.

Continue Lendo

Fim da contribuição obrigatória não justifica gratuidade a sindicato

  O fim da contribuição sindical obrigatória não justifica o acesso à justiça gratuita. Com este entendimento, a Seção Especializada em Dissídios Coletivos (SDC) do Tribunal Superior do Trabalho indeferiu o pedido de concessão do benefício da gratuidade de justiça feito pelo Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico e Eletrônico da Grande…

Continue Lendo