Comissão de Transporte da Câmara de Manaus vai aos terminais verificar o problema do troco

Manaus/AM – Para que a redução de R$ 0,10 centavos na tarifa de ônibus chegue efetivamente ao usuário é preciso que haja uma grande fiscalização por parte de toda a sociedade. Nesse sentido o presidente da Comissão de Transporte da Câmara Municipal de Manaus, vereador Rosivaldo Cordovil (PTN) se colocou à disposição, junto com outros vereadores para in loco verificar o cumprimento da medida tomada pela Prefeitura de Manaus.
Durante o discurso do vereador, outros parlamentares se comprometeram em acompanhar a fiscalização. Assim, Álvaro Campelo (PP) e Hiram Nicolau (PSD) vão estar nesta terça-feira (11) no terminal T4, localizado próximo à Bola do Produtor, na Zona Leste da Cidade para ouvir dos usuários se os cobradores estão ou não repassando o troco. “Nós precisamos estar junto ao usuário. Nós precisamos verificar se os empresários estão de má fé. Precisamos saber a verdade, e o povo é quem vai nos dizer”, afirmou Rosivaldo Cordovil.

De acordo com o artigo 257 da Lei Orgânica do Município (Loman), no inciso sexto, “o usuário do transporte coletivo tem direito a receber troco integral quando efetuar o pagamento com moeda mais próxima a cinco vezes do valor de uma passagem inteira, sendo o passageiro transportado gratuitamente em caso de inexistência do troco integral”. Ou seja, caso o cobrador não tenha o troco até o fim do itinerário do usuário, a viagem não será paga e o desembarque deve ser feito pela porta traseira. Segundo a Lomam, de 03 de maio de 2011, que acrescenta o inciso sétimo com a seguinte determinação: “o dinheiro que servirá de troco aos passageiros deverá ser providenciado pelas empresas e repassado aos cobradores dos coletivos no início da cada jornada de trabalho”.
Fonte: CMM

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *