Programa de Eficiência Energética começa a ser executado no Henoch Reis

O Programa de Eficiência Energética começou a ser executado no Fórum Ministro Henoch Reis, em Manaus, com a troca das lâmpadas fluorescentes por outras mais econômicas nas salas do fórum e por lâmpadas do tipo LED nos corredores do prédio. Trata-se de um sistema moderno e ecologicamente correto que vai proporcionar economia no consumo de energia elétrica.
Hoje, a conta de energia elétrica do fórum é de, em média, R$ 130 mil/mês. Ao final de 12 meses, a estimativa é que o Tribunal economize um pouco mais de R$ 400 mil.
E a iniciativa não gera custos para o Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) que receberá um investimento no total de R$ 419,4 mil, resultado de uma parceria entre a Eletrobras Amazonas Energia, Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e Universidade Federal do Amazonas (Ufam).
O projeto consiste em substituir 3.398 lâmpadas tubulares fluorescentes de 40W por 3.398 lâmpadas tubulares fluorescentes de 32W; substituir 1.699 reatores de 40W por reatores de 32W; substituir 1.444 lâmpadas tubulares fluorescentes de 40W por 1.444 lâmpadas tubulares LED de 18W; retirar 722 reatores de 40W; realizar a manufatura reversa das lâmpadas substituídas e reatores retirados, conforme a Lei nº 12.305/2010; e realizar a medição e verificação por sete dias antes e sete dias depois da substituição das lâmpadas e reatores.
“A empresa Eletrobras – Amazonas Energia está utilizando o prédio como um padrão para que sirva de exemplo a outras instituições públicas e privadas e, com a implantação, além de ser um sistema ecologicamente correto, irá reduzir o consumo de energia do fórum”, acrescentou o engenheiro Haryson Rombaldi, diretor da Divisão de Engenharia do Fórum Henoch Reis.

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *