Corregedor do Tribunal de Justiça visita unidades do Fórum Henoch Reis

Com o objetivo de promover o apoio necessário ao bom funcionamento das unidades judiciais e administrativas do Poder Judiciário do Estado, o corregedor-geral de Justiça do Amazonas, desembargador Yedo Simões, acompanhado do diretor de Engenharia dos fóruns descentralizados, Haryson Rombalbi, e do assessor de Tecnologia da Informação da CGJ, Messias Andrade, visitou na manhã desta quarta-feira (16) o 2º Tribunal do Juri, a Central de Mandados e a Coordenadoria de Distribuição de 1º Grau – todos no Fórum Henoch Reis.
Além de pedir sugestões para o melhor funcionamento destes setores, o corregedor foi conhecer de perto a realidade dos gestores e suas equipes a fim de buscar soluções adequadas a cada necessidade.
“Prevenir é a melhor forma de evitar equívocos”, observa o desembargador. Para ele, o papel da corregedoria não deve se limitar a punir erros. “Precisamos também contribuir administrativamente para que sejam alcançados os melhores resultados das equipes de trabalho, só assim o TJAM chegará, de fato, à excelência na prestação jurisdicional”, avalia Yedo.
Visão Institucional
Das três unidades visitadas, só a  Coordenadoria de Distribuição de 1º Grau está diretamente ligada à CGJ. Mas na visão do corregedor, todas fazem parte de uma mesma organização: o Tribunal de Justiça do Amazonas.
Para o desembargador Yedo Simões, “a corregedoria existe para zelar pela bom desempenho do TJAM em nome da justiça e da sociedade”.

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *